Mil instantes infinitos - Bia Carvalho

LEITURA ROMANCE CAFÉ

Amorecos, antes não poderia deixar de elogiar a autora desse livro que simplesmente balançou meu coração.
Com uma escrita ágil e harmoniosa me conquistou de vez.



LEITURA ROMANCE CAFÉ


Título Original: Mil instantes infinitos  
Autor: Bia Carvalho  
Ano: 2019
Editora: independente
Gênero: Romance Jovem



Sinopse | Mil instantes infinitos..O acaso uniu Caio e Lavínia de uma forma inusitada. E também os separou lançando-os em uma história cheia de obstáculos.Porém, nem mesmo o destino poderia supor que o verdadeiro amor seria capaz de lutar e resistir em meio a tantas adversidades.Contudo, algumas surpresas ainda surgem no caminho do piloto e da bailarina, colocando mais uma vez à prova os sentimentos que se desenvolveram em seus corações.Serão eles mais fortes do que o tempo e a distância para conquistarem seu final feliz? ..Conheça o desfecho da história que teve início em A ETERNIDADE DE UM INSTANTE e confira se Caio e Lavínia terão direito aos seus mil instantes infinitos....

Resenhando | Mil instantes infinitos.

Você já parou por um instante para refletir o significado deste título? Se não, aconselho que o faça. O título faz jus ao livro, que poderia não ter fim.

Aos amantes de uma boa leitura, devo esclarecer que esta é a continuação e também o final da história de amor entre o Caio e a Lavínia. O primeiro volume tem por título “A eternidade de um instante”, então, o que temos em mãos é uma duologia.

Ainda não comecei a checar as outras resenhas para interação, mas posso afirmar que para todos deve ter sido uma grata surpresa já estarmos com o segundo volume em mãos para leitura e divulgação. A autora deste livro, em um tempo recorde (dois meses), escreveu o segundo volume e o preparou com sua equipe para o lançamento. E não pense que isso quer dizer que a obra ficou mal acabada. De maneira nenhuma! Ao contrário. Isso só prova que os personagens já tinham suas vidas próprias e a história já estava predestinada, só precisou da agilidade das mãos da autora para se fixarem nas folhas esse belo e doce romance.  Então, palmas para você @biarcarvalhoautora que, ouvindo o desespero das leitoras, se colocou em nosso papel, e tratou de aquietar o nosso coraçãozinho o mais rápido possível.

Para quem leu o primeiro volume, já conhece os protagonistas desta história, então não tenho muito o que dizer, já que é bem recente e posso afirmar que tudo ainda está fresquinho em nossa mente. Tá, mas para você que não leu, darei uma pequena pincelada (e para mais dúvidas, aqui no ig temos a resenha do primeiro volume).

Caio é corredor, amante de adrenalina; Lavínia é uma doce bailarina com muito talento para artes em geral (tudo a ver né?! Só que não). Ambos se conhecem e, apesar das muitas diferenças e do grande empecilho que os mantém distantes, procuram um meio de fazer dar certo.


Sabe aquele casal fofinho que você quer muito levar para casa e esconder? (Principalmente o Caio, que para mim se tornou o príncipe encantado da atualidade. Não sei onde a autora conseguiu com tanta facilidade idealizar o sonho de toda mulher para dentro de um único homem). Tá. Voltando ao nosso foco principal.

Nesta obra, o contexto está um pouco diferente, afinal, o tempo passou. Gente, e como o tempo passa nesse livro. Que merda! Tem horas que isso vai te irritar de verdade, já que o que sobra para eles é apenas o instante, daí o título.
Nia está correndo atrás do seu grande sonho e seu talento a leva cada vez mais longe. Caio também está vivendo novos ares. Sua empresa vai muito bem, obrigada. Os outros personagens são apresentados com um amadurecimento incrível, suas histórias... na verdade a vida os fez evoluir muito, todos, sem exceção. Eu cheguei a me apegar a alguns personagens, como a Bruninha (é assim que eu a chamo). Foi muito bom matar essa saudade.


O que nos encanta logo no início da leitura é que, apesar da distância, eles fazem de tudo para fazer funcionar. O amor que um tem pelo outro a cada dia os fortalece e é um combustível para vencerem as barreiras. É até complicado imaginar isso... Veja só, você ser apaixonada por uma pessoa e só conseguir matar em parte a saudade com mensagens, facetime e outros meios que, apesar de serem muito bons, não é a mesma coisa. E o pior, estarem juntos é como uma sentença de morte pairando sobre a doce Dríade. Isso porque a maldição da família Johanssen precisa ser quebrada e ninguém sabe como fazer. Caio desesperadamente busca respostas e às vezes elas chegam tão confusas. 

Não tente entender. Você pode me perguntar: mas como assim?
É isso mesmo, existe neste livro uma pitada de magia e maldição digna dos mais doces contos de fada. 

Olha, quer saber de uma coisa? Se prepare para passar muita raiva, se indignar, chorar e até mesmo ficar como uma tonta sorrindo sozinha. Essa história conseguiu mexer com minhas emoções. Não posso negar que me senti em alguns momentos como uma tola e, em outros, eu já tinha o lance dado; e, na sua grande maioria, acertei. Isso tornou para mim a leitura mais equilibrada.
Sempre pontuo algo nas minhas leituras: quando elas tendem para um lado dramático, na grande maioria me irrito bastante, e aqui eu vi uma pitada a mais de drama, o que para mim pesou na história. Mas de maneira nenhuma amenizou o brilho do prazer que foi viver essa tão agradável experiência. 



Não tem como resenhar a história desse livro assim como se pede uma boa resenha, já que se eu fizesse isso, entregaria os pontos principais que são revelados no decorrer da leitura e que é justamente o que a torna tão saborosa. Por esse motivo, o que mais temos são as minhas considerações.

Assim como no primeiro, não posso dar detalhes também da obra final e diagramação, já que lemos o que posso classificar como manuscrito.

Nem pense em deixar de conhecer esse conto de fadas do príncipe imperfeito e da dríade bailarina (só quem leu sabe o que é isso).

Gente, é serio. Bia, como poderia te agradecer por me proporcionar momentos únicos, encontros maravilhosos e inesperados que deram vida à história e a encheram de mais prazerosa magia? Aquela que a gente sonha encontrarem toda leitura.

Ps.: Neste livro temos uma playlist bem grandinha, então separei apenas algumas, e por elas, você pode antecipar a leitura e se divertir.


Like I'm Gonna Lose You, da Meghan Trainor e do John Legend
Ain’t no Sunshine, na versão do Michael Jackson.
Glory of Love, do Peter Cetera.
Todo Azul do Mar, de 14 Bis.
Not as We, da Alanis Morissette,
Trechos incríveis.



[..] o futuro era todo nosso. Ao menos era essa certeza que meu coração alimentava dia após dia.


“Alguns amores eram como correntes. Prendiam-nos a eles de forma tão violenta que não conseguíamos sequer dar um único passo. Só que no meu caso, o mesmo amor que me acorrentava era o único que me fazia sentir livre.”  Não... eu não preciso dizer mais nada. 



18 comentários

  1. Oi, tudo bem? É muito bom quando começamos a ler uma história e ela nos prende tanto. Faz um tempinho que não leio romances tenho focado mais em suspense/mistério. Fiz minha TBR de maio mas nem pensei em colocar livros diferentes vou tentar em junho. Pelas suas palavras dá para perceber que vai continuar a leitura. Espero que o final seja tão bom quanto espera. Beijos, Érika =^.^=

    ResponderExcluir
  2. Uma história de amor que começa tendo que enfrentar vários obstáculos e adversidades assim, já é bem intrigante. Apenas lendo a sinopse, já fiquei querendo saber mais da trama. E também, eu não me lembro de ter lido um romance como esse. Ansiosa pela resenha!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi uma experiencia incrível a leitura. Agora postei a resenha e você pode se deliciar.

      Excluir
  3. Oi!
    A capa é de fato linda, o que faz o livro parecer bem interessante. Acabo não me atraindo muito por romance, mas estou ansioso para ver a resenha por aqui!
    Abraços,
    Literalize-se

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É normal não gostar de um determinado gênero.Tbm tenho meus prediletos e desafetos. kkk

      Excluir
  4. Pela sinopse parece muito interessante mesmo. Vou aguardar sua resenha para conhecer mais e depois procurar para ler!

    ResponderExcluir
  5. 12 de maio de 2019 15:55

    Pela sinopse parece muito interessante mesmo. Vou aguardar sua resenha para conhecer mais e depois procurar para ler!
    Beijos,
    Carol Cavalcanti (https://reinodepapel.com)

    ResponderExcluir
  6. Me parece ser um daqueles romances sofridos, parecidos com os do Nicholas Sparks, que destroem o nosso coraçãozinho shippador de casais HAHAHAHAH. Quero saber de tudo, quando terminar de ler :D

    ResponderExcluir
  7. Olaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!
    Nunca tinha ouvido falar de "duologias". Interessante...
    Dois meses?! Eu demorei dois anos :o
    Eu gosto de livros que façam parecer bipolar ahaahhaah Embora, deteste chorar. :p
    Que casalinho nada, mas ao mesmo tempo tudo a ver! <3
    Beijokitaz




    www.devaneiosdemissl.com

    ResponderExcluir
  8. Hitória que tem vários problemas nela de incío, pornt, já me ´prende na leitura e me faz querer ler até o final.
    Já quero e muito!

    ResponderExcluir
  9. Gosto bastante de livro de Ramace apesar de muitas pessoas acharem estraio homem cutir esse gênero de livro, e esse livro não foi excessao já havia lido e o que posso fala que gostei bastante, também achei bem interessante sua resenha sobre ele deu até vontade de novamente lê

    ResponderExcluir
  10. Que gracinha! Parece ser uma bela história de amor, daquelas que nos fazer torcer pelos protagonistas e xingar quando algo dá errado! hahaha
    É bom demais quando alguma leitura nos prende e faz com que a gente se apegue aos personagens. Eu tenho uns personagens favoritos de livros que amo <3
    Fiquei um tanto curioso pra saber mais sobre a história =)

    ResponderExcluir
  11. Olá,

    Já preciso ler esse livro! Já li uma obra da Bia e gostei bastante da escrita da autora, que de fato consegue nos prender nas teias dos acontecimentos. Ler sua resenha sobre essa história apenas me deixou curiosa para desvendar todos os acontecimentos desta narrativa, que parece ser uma daquelas que viciamos e desejamos sempre mais. Seu post ficou incrível, parabéns!

    Beijos!

    ResponderExcluir